Google+ Followers

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Risoto de Açafrão (Risotto Allo Zafferano)


 
Olá, para todos! Graças a Deus a coisa por aqui finalmente normalizou. Mas demorou, verdade seja dita. Bem, chegamos ao último quadrimestre do ano, época que eu gosto muito. Em breve vai começar a primavera, que será seguida pelas festas que acontecem no fim do ano. Só de pensar nisso ganhei um novo ânimo, por isso resolvi celebrar a vida com um risoto, rsrs.   Escolhi o risoto de açafrão porque tinha um potinho de açafrão em minha despensa. Quando falo em açafrão, refiro-me ao açafrão verdadeiro, que é este da imagem abaixo. Os filamentinhos que se amontoam na foto, são pistilos de uma flor chamada Crocus Sativus. Esta especiaria é tida como a mais cara entre todas as especiarias. Ela é bem diferente do cúrcuma, aquele tempero amarelo, que é também conhecido por 'açafrão da terra'. O risoto de açafrão, aqui no Brasil e em muitas outras partes do mundo, é chamado também de risoto milanês ou risoto à milanesa. Mas eu já vi um cozinheiro de Milão dizer que o risoto milanês é ligeiramente diferente, fica aí o registro, rsrs. Eu tenho o hábito de colocar o açafrão num pouquinho do caldo, antes de começar o preparo do risoto. Acho que isso ajuda a liberar a cor e o sabor do açafrão, mas muita gente acrescenta os pistilos secos ao arroz, assim que começa a adicionar o líquido. Basta um pouquinho (uma pitada) do açafrão para que o prato fique perfeito.






Risoto de Açafrão

Ingredientes


2 xícara de arroz arbóreo

2 colheres de sopa de manteiga
1, 2 litros de caldo de legumes (é melhor com o caldo caseiro)
1/2 cebola picada
1/2 xícara de vinho branco seco
1/2 colher de chá de açafrão em pistilos

1 colher (chá) de sal ou a gosto
parmesão ralado na hora a gosto



Preparo



Mantenha o caldo em fogo bem baixinho. Retire ½ de xícara do caldo ponha o açafrão nele, para que vá liberando a cor e o sabor. Aqueça a manteiga, numa panela de fundo grosso. Acrescente a cebola e deixe que frite até amaciar (uns três minutos). Junte o arroz e o vinho. Mexa, de vez em quando até que o vinho evapore. Acrescente o sal, o caldo reservado com o açafrao, e mais um pouco do caldo. Vá mexendo e acrescentando o restante do caldo, aos poucos, até que o arroz tenha absorvido quase todo o caldo e esteja macio e úmido. Mas não deixe cozinhar demais, o interior do grão do arroz tem de ficar 'al dente'.  Desligue o fogo, junte o queijo parmesão e sirva o risoto imediatamente.





sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Bolo com Peras Inteiras




 Olá, para todos! Quando escrevi o último post, estive a ponto de incluir nele o verso de uma música lindinha, dos tempos.... "jurássicos" (juventude de minhas tias), que dizia: "See you in september" (vejo vocês em setembro). É que a cada início de mês eu vou pontuando o correr do ano, e isso sempre me lembra uma música, rsrs. Mas o fato é que eu não acreditava realmente que só voltaria aqui nessas alturas, pois tenho muitos posts em rascunho, alguns já prontinhos para serem publicados. Porém, fomos - primeiro marido, depois eu - "apanhados" por um feroz vírus de gripe, que nos levou a nocaute. Eu ainda estou lutando com ele, para falar a verdade. Todavia, eu odeio ficar acamada e costumo combater as doenças levando vida normal. Então, ontem eu me enxotei da cama e me forcei a enfrentar as exigências do dia. E como no meu dia sempre tem longas passagens pela cozinha, coloquei duas máscaras cirúrgicas (meu marido dentista mantém pacotes de máscaras cirúrgicas no armário dele, rsrs) e fui lidar com as panelas. À tarde fiz este bolo, que é para ser do tipo "arrasa quarteirão", ou seja, que impressiona aos olhos e paladar. 


esta forma para pão, usada para assar o meu bolo, é grande: 34cmX11cmX6,5cm

Mas ele é simples, pois apenas combina a massa de um bolo com as tais "Peras bêbadas", aquelas peras cozidas em vinho e especiarias, que são oferecidas como sobremesas em muitos bons restaurantes. Mas convém realmente fazer uma massa de bolo especial, como a do bolo de amêndoas ou a de um bom bolo de chocolate, para que o resultado fique à altura do esforço. Eu fiz uma massa comum, porque, como já disse, não estava com aquele vigor todo, rsrs. E  queria comer algo simples, sem muitas calorias (e gorduras). Também queria que a massa crescesse a ponto de encobrir as peras, para que a visão delas, no momento do corte do bolo, provocasse uma pequena surpresa, rsrs.
 

Peras Bêbadas à minha moda

Ingredientes


3 peras de tamanho médio, maduras mas firmes (usei as do tipo bosc)

1 e ¼ de xícara de açúcar

2 xícaras de vinho branco seco

1 xícara de água

2 estrelas de anis

2 paus de canela

4 cravinhos da índia

3 bagas de cardamomo (pode ser substituído por 3 bolinhas de pimenta da Jamaica (all spice)



Preparo


Coloque a água e o vinho numa vasilha, como uma leiteira (que é altinha e não muito larga) de tamanho médio (isso é para que os líquidos cubram as peras). Junte o açúcar, e as especiarias e misture tudo muito bem. Ponha a leiteira de lado. Lave e descasque as peras cuidadosamente, mantendo os cabinhos delas. Ponha as peras na leiteira reservada e leve-a ao fogo médio, por 30 minutos. Após isso, transfira as peras para um prato, para que esfriem. 

O Bolo de Peras Inteiras:

Faça a massa do bolo escolhido, eu fiz esta abaixo. E espalhe as peras pela massa. Você pode fazer uma massa menos volumosa e que não cresça tanto, para que as peras fiquem só meio submersas, pois a visão delas também é muito atraente, eu mesma quero fazer um bolo assim, da próxima vez.
 

Bolo Básico (com peras inteiras)


 Ingredientes

2 xícaras de farinha de trigo
1 e 1/2 xícaras de açúcar
1/2 xícara de manteiga com sal
2 colheres de chá de fermento em pó para bolos
4 ovos
½ xícara de leite
6 gotas de essência de baunilha

as peras bêbadas preparadas
 
Preparo

Unte uma forma média com manteiga e forre o fundo com papel manteiga, untando o papel também. Ponha-a de lado. Bata - na batedeira - as claras em neve e passe-as para outra tigela. Bata, na batedeira, a manteiga, as gemas e o açúcar até que clareiem. Ligue o forno em temperatura média (180ºC). Desligue a batedeira e peneire a farinha juntamente com o fermento sobre a mistura de manteiga. Usando um fouet, vá misturando a farinha à manteiga, juntando a essência e, aos poucos, o leite. Por fim, acrescente as claras em neve, misturando-as cuidadosamente - sem bater. Despeje a massa na forma preparada, distribua as peras pela massa e leve a forma ao forno por cerca de 35/45 minutos (na forma de pão demorou 1 hora e 15 minutos para assar!). Depois que o bolo crescer e corar,faça o teste do palito e tire-o do forno. Espere que o bolo esfrie, por pelo 15 minutos, antes de retirá-lo cuidadosamente da forma (passe uma faca pelas laterais da forma e dê pancadinhas para que ele desprenda do fundo).





sábado, 23 de agosto de 2014

Espaguete Maravilha de uma Panela





 Olá gente, esta é uma dessas receitas simples e práticas que resultam saborosas. Ela é ótima para resolver a questão do que fazer para alimentar a família em pouco tempo, e de modo satisfatório. Isso é, muitas vezes, tudo que desejamos, não é verdade? rsrs. 

Espaguete Maravilha de Uma Panela
(receita adaptada do 'italian wonderpot', de Martha Stewart Living)


Ingredientes

350g de fettuccine  (usei espaguete)
3 xícaras de folhas de espinafre higienizadas e sem os talos duros
1 cebola cortada em pétalas
1 embalagem de molho de tomate pronto (escolha um excelente, que tenha pelo menos 300 gramas)
3 colheres (sopa) de azeite de oliva extra virgem, do bom
1 colher de sopa da mistura de ervas italianas (orégano, manjericão, manjerona, alecrim e tomilho – mas você pode usar apenas o manjericão e o orégano)
3 dentes de alho, cortados
5 xícaras de caldo vegetal
½ xícara de tomatinhos cortados ao meio
3 colheres (sopa) de pimentão verde picado
100g de queijo feta, esfarelado (usei parmesão em fatia, ralado na hora)
Sal, se necessário


Preparo

 Ponha todos os ingredientes (exceto o queijo, os tomates e o pimentão)  numa panela grande. Tampe a panela e espere que a mistura ferva. Tire a tampa, reduza um pouco o fogo, e deixe que cozinhe durante 8 minutos. Acrescente os tomatinhos e o pimentão e deixe que amaciem por mais 2 minutos (ou até que a massa esteja al dente e o molho tenha engrossado e diminuído). Apague o fogo e acrescenta o queijo esfarelado. Sirva imediatamente. 

 



Pin It button on image hover