sexta-feira, 3 de maio de 2024

Pão noturno, sem sova, no forno holandês e o que rolou nos últimos dias

 


Olá, queridos leitores, é um prazer receber vocês aqui novamente!

A receita que eu trago hoje faz um pão com casca crocante e interior macio, parecido com o pão rústico italiano, muito simples e delicioso! É uma receita que não dá quase nenhum trabalho e é excelente, quando se deseja ter um pão acabado de assar, no café da manhã (pequeno almoço). É bom também para brunches, festas etc. Ele só leva 3 ingredientes + a água. E esses ingredientes são misturados à noite e postos a levedar até o dia seguinte (razão de ele ser chamado de 'noturno'/overnight). 
Esta receita viralizou, anos atrás. E embora eu a faça há muito tempo, só agora resolvi postá-la. 

Bem, e o que vem a ser forno holandês?

É uma panela grossa que tenha a tampa bem ajustada. Geralmente essas panelas são feitas de ferro fundido. Penso que antigamente, quando se queria assar algo que exigisse temperatura alta e úmida, metia-se o preparado numa panela de ferro com tampa, que ia para dentro de um forno comum, o que gerou o nome 'forno holandês' (isso é suposição minha, rsrs). 

A questão do pegador da panela (uma dica que ninguém dá):

Panelas de ferro, como a usada nesta receita (Le Creuset) costumam ter uma tampa com pegador de plástico (baquelite, seja lá o que for). Na primeira vez que fiz este pão, me ocorreu que o pegador poderia derreter, se a tampa fosse posta dentro de um forno aquecido a mais de 200ºC, que é o caso (o pão é assado a 232ºC). Então, eu pedi ao meu marido que trocasse o pegador de plástico por um de madeira (e mesmo este fica um pouco chamuscado, se for usado o grill superior do forno). 


Pão ‘noturno’ sem amassar, no forno holandês
(receita ligeiramente adaptada daqui)

xícara = 240ml

Ingredientes

3,5 gramas de fermento seco ativo (1 colher de chá)
12 gramas de sal (2 colheres de chá)
360 gramas de farinha de trigo (3 xícaras)
360 gramas de água morna (1 1/2 xícara)

Instruções

Misture o fermento, o sal e a farinha, em uma tigela média.
Adicione a água e mexa até formar uma massa espessa e felpuda.
Cubra com filme plástico e deixe crescer durante a noite, cerca de 8 horas (ou até 18 horas).
No dia seguinte, vire a massa sobre uma superfície enfarinhada. Enfarinhe as mãos e, delicadamente, forme uma bola com a massa. Deixe descansar por 30 minutos.
Enquanto o pão volta a crescer, pré-aqueça o forno a 232 ° Celsius (450 ° Fahrenheit). Coloque a panela com a tampa dentro do forno que está aquecendo (veja acima  a observação sobre o pegador da tampa da panela).
Após os 30 minutos, tire a panela quente do forno, destampe-a e coloque cuidadosamente a massa na panela (antes eu coloco a massa sobre uma folha de papel manteiga ou pergaminho, que é o papel das formas que a gente usa na fritadeira/air fryer; o papel deve ultrapassar as bordas da panela e deve também ser ligeiramente enfarinhado. Isso facilita muito colocar a massa na panela quente e também retirar o pão da panela, depois de assado). Se desejar, corte o topo da massa com uma faca afiada.
Leve a panela com a massa dentro e com a tampa, ao forno quente e deixe que o pão asse por 30 minutos.
Depois dos trinta minutos, tire a tampa da panela e deixe que o pão doure por cerca de mais 15 minutos.
Coloque o pão em uma gradinha e deixe esfriar, antes de servir. 
 


E o mais

Fotos que resolvi publicar

Panquecas + frutas, numa manhã de fim de semana

Pudim de leite, sobremesa de outro fim de semana
bolo de milho assado na fritadeira (air fryer)
flores...sempre!


E para não perder o contato com as letras, deixo abaixo a tradução (feita por Raquel Drummond) do poema "Stuffens" do alemão Hermann Hesse 

Etapas

Como cada flor fenece
E toda juventude à velhice cede,
Também as etapas da vida,
A sabedoria e a virtude, a seu tempo,
Florescem e não duram para sempre.
A cada chamada da vida o coração deve
Estar pronto preparado para a despedida e novo começo,
Para com bravura e sem pranto
Entregar-se a novos laços.
No coração de todo começo reside um encanto
Que nos protege e ajuda a viver

Devemos alegremente atravessar espaço após espaço,
Não nos prendendo a qualquer vínculo, a um lar;
O espírito do mundo não deseja nos acorrentar e nos estreitar
De etapa em etapa ele quer nos engrandecer e elevar.
Mal nos habituamos a um modo de vida,
Intimamente nos ameaça o desalento.
Somente aquele que está pronto para a partida e viagem
Pode evitar o entorpecimento do hábito.
Na hora da morte talvez sejamos mandados,

Ainda jovens, para novos espaços.
O chamado da vida nunca nos deixará.
Vá, coração, diz adeus e cure-se.


E é só por hoje, gente, mas devo voltar no dia das mães, 12 de maio (ou por volta dele), até lá!

32 comentários:

chica disse...

Adorei o pão e receita e não sabia desse forno holandês. Tri legal! E até do abridos de tampa lembraste! Lindos pratos mostraste! beijos, tudo de bom,chica

Pedrita disse...

eu acho fascinante quem tem o dom de fazer pão. saudade de panquecas pra comer no lanche. beijos, pedrita

Heloísa disse...

Que pão lindo e, certamente, delicioso. Linda, também, a panela.
Mas você sabe que eu não consigo carregar uma panela dessas? O peso é enorme.
Adorei o café da manhã. Bom começar o dia assim. Beijo.

Roselia Bezerra disse...

Boa tarde de Paz, querida amiga Marly!
Compro aqui o pão fermentação natural, o italiano e gosto muito.
Também vou tentar fazer o pão que você pôs aqui. Achei bem simples de fazer. Se conseguir, tiro foto para lhe mostrar.
Senti água na boca do kiwi, gosto muito.
Por aqui, muito capricho e zelo por tudo...
Tenha um final de semana abençoado!
Beijinhos com carinho fraterno

A Paixão da Isa disse...

mas que maravilha de pao adorei e este post ele esta 5* bravo obrigado por partilhar bjs feliz fim de semana saude

J.P. Alexander disse...

Gracias por la recetas. Me encanta hacer pan. Te mando un beso. Enamorada de las letras

Stefania disse...

Non conoscevo la possibilità di cuocere il pane in una pentola da mettere nel forno, il tuo post è stato proprio istruttivo.
E quanti bei dolci hai potuto gustare i questo periodo in compagnia di bellissimi fiori.

Luiz Gomes disse...

Boa tarde, um excelente domingo e um bom início de semana minha querida amiga Marly. Não conheço esse tipo de pão. Panquecas, tem muito tempo que não como. Obrigado pelos comentários sobre Santos Dumont. Grande abraço carioca e nosso verão continua no outono.

Maria Rodrigues disse...

Tudo com aspecto super delicioso 😋.
Eu comia já um pouco de tudo.
Beijinhos

Luiz Gomes disse...

Boa tarde. Obrigado pela visita e comentário, sobre as 2000 postagens, minha querida amiga Marly. Eu sei que poderia falar, somente sobre o Rio de Janeiro nas 2000 postagens, mais resolvi, mostrar um pouquinho dos lugares do Brasil que eu conheci: PR, GO, MG, ES, SP, BA e RJ. Brasília, pena que foi só de passagem, para o GO. Grande abraço carioca.

Vanessa disse...

Amei a receita desse pão, achei fácil e não precisa de muito esforço para fazer. Vou testar aqui.
Quanto as fotos que postou no final deixou com água na boca, comidas deliciosas.
Beijos.



Parafraseando com Vanessa

Luiz Gomes disse...

Boa Noite minha querida amiga Marly. Concordo plenamente com você. Muitas risadas saíram do Brasil em vários períodos. No século XIX, não se tinha o pensamento do valor que os fósseis, nossa riqueza tem hoje. E isso aconteceu em outras civilizações: Egito, Iraque (Assíria e Babilônia) e Irã (Pérsia).

Luiz Gomes disse...

Acho difícil o Museu de Copenhague ou a Dinamarca, devolverem nossos fósseis.

Luiz Gomes disse...

Bom dia, uma excelente quinta-feira, com muita paz e saúde. Obrigado pelos comentários sobre a Gruta do Maquiné. Espero que você goste da postagem de hoje, minha querida amiga Marly.

ALLIE NYC disse...

Ooo all this food looks so good. Le Creuset makes some excellent cookware. I use to work for Sur la Table and learned a lot about quality cookware.

Allie of
www.allienyc.com

Luiz Gomes disse...

Boa tarde e um excelente sábado. Espero que você tenha gostado, das matérias da Gruta do Maquiné. Patrimônio Histórico do Brasil, minha querida amiga Marly.

Eduardo Medeiros disse...

Olha, seu blog é um afago aos olhos que provoca água na boca...

Luiz Gomes disse...

Bom dia e um excelente domingo. Passando para desejar um bom início de semana. Feliz Dia das Mães minha querida amiga Marly.

Luiz Gomes disse...

Boa tarde e uma excelente segunda-feira. Fico feliz em saber que o seu dia foi maravilhoso. Passei com a minha mãe e outras mães da minha família.

Sérgio Santos disse...

Marly, seu pudim parece uma pintura. E esse bolo... que vontade.... Bjãoo e boa semana.

Luiz Gomes disse...

Boa Noite minha querida amiga Marly. As primeiras fotos eram do Mastodonte, ancestral dos elefantes. Os mamutes não são retratados, eu acho, porque eram bem maiores.

Coisas de Feltro disse...

É tanta coisa boa que nem saberia por onde começar.
Beijinhos

Reflexos Espelhando Espalhando Amig disse...

Marli,
Vir aqui é sempre
fazer parte de uma
verdadeira festa!
Publicação sublime.
Bjins de gratidão.
CatiahoAlc.

Maria Rodrigues disse...

Marly passei para desejar uma excelente semana.
Beijinhos

Luiz Gomes disse...

Bom dia e um excelente quarta-feira minha querida amiga Marly. O interior do Museu Mariano Procópio é muito interior.

Luiz Gomes disse...

Boa Noite minha querida amiga Marly. Confesso que não conhecia esse pensamento idiota direita. Acho que é falta de conhecimento de história ou falta das aulas mesmo kkkk. Todo mundo sabe (menos a direita), que ele foi esquartejado e seus membros, foram espalhados pela Estrada Real Caminho Novo, Rio de Janeiro até Ouro Preto. Sebollas (Inconfidência) em Paraíba do Sul RJ (já fiz matéria) tem o Museu Tiradentes e que tem uma parte dos ossos dele. Até a cabeça foi exposta em Vila Rica, hoje Ouro Preto.

Luiz Gomes disse...

Boa tarde de sexta-feira. Bom final de semana. Obrigado pela visita e comentário. Espero que você goste da postagem de hoje. Faltaram duas, sábado e domingo.

chica disse...

Marly, voltei pra te agradecer todos os carinhos e bons desejos! Precisamos muito de carinho agora e tomara essa fase danada aqui no RS termine! beijos, lindo domingo,chica

Sérgio Santos disse...

O poema é lindo, Marly. Bjs e bom domingo!!!

Teresa Silva disse...

Esse pão está mesmo a pedir uma boa manteiga! Fiquei com água na boca!

Bjxxx
Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

Luiz Gomes disse...

Boa tarde de domingo. E um bom início de semana minha querida amiga Marly. O Museu Mariano Procópio foi uma grata oportunidade e surpresa.

Luiz Gomes disse...

Boa Noite minha querida amiga Marly. Itamar Franco, foi duas vezes prefeito de Juiz de Fora, na década de 70.

Pin It button on image hover